Área do aluno

Esqueci minha senha!

Notícias

Você está localizado em: Home » Notícias » Treinamento de Força com Oclusão Vascular
Treinamento de Força com Oclusão Vascular
Autor: Dr. Rogério Liporaci
Postado em: 12/06/2017 às 16:30
A Dor Patelofemural (DPF) é uma patologia comum e seu tratamento, o fortalecimento do quadríceps é sempre recomendado. Segundo o American College of Sports Medicine, para que haja hipertrofia é recomenda o uso de cargas entre 60% e 85% de 1RM. Porém, para alguns pacientes, realizar atividade com carga é muito doloroso, tornando sua reabilitação mais desafiadora.
 
 
O Treino com Oclusão Vascular, (ou Kaatsu Training), surgiu anos atrás e há algum tempo vem sendo melhor estudado. Através do uso de um manguito inflável colocado proximal no membro a realizar o exercício, realiza-se compressão pneumática que ocasiona oclusão vascular parcial. Pressupõe-se que através desta medida seja possível obter o ganho de força após exercício de fortalecimento com cargas baixas.
 
 
?Para elucidar o tema, o artigo de hoje é um ensaio clínico controlado, randomizado duplo cego que foi publicado em maio/2017 no BJSM por GILES et al. Eles compararam o efeito do Treino de Força Tradicional-TFT (70% 1RM) e o Treino com Oclusão Vascular-TOV de baixa intensidade (30% 1RM) em pacientes adultos (18–40 anos) com DFP atraumática. 
 
Os pacientes realizaram fortalecimento durante 8 semanas, usando angulação de proteção de 90-45° Cad. Extensora e 0°-60° Leg Press, sendo avaliados nas seguintes medidas: Escala de lesões Femoropatelar de Kujala (Kujala Score), Escala Visual Analógica da dor (EVA), Dinamometria Isométrica do Quadríceps (DIQ), Espessura do Músculo Quadríceps (EMQ) e Questionário de Percepção (QP) após 6 meses.
 
 
 
 
 
RESULTADOS:
 
 
O TOV a 30% 1RM foi mais eficiente na redução da dor em atividade diária do que o TFT a 70% 1RM em 8 semanas;
 
 
TOV pode ser uma alternativa para pessoas com DFP que não toleram a carga de programas padronizados de fortalecimento do quadríceps devido à dor;
 
 
Não foram encontradas diferenças entre os grupos para ganho de força, Kujala Score, DIQ, EMQ e no QP após 6 meses; ?Apesar de não demonstrar superioridade, o maior benefício do TOV é proporcionar resultados semelhantes ao TFT mesmo utilizando cargas consideravelmente menores! Texto de @gilvan_arruda
Ref: DOI 10.1136/bjsports-2016-096329

Confira nossos cursos online e assista a trechos de todos os cursos gratuitamente.

Redes sociais:

Rua Henrique Lupo, 522 - Vila Harmonia
CEP: 14802-440) - Araraquara - SP
(16) 3463-1043
2015 / 2018 - www.institutocefisa.com.br - Todos os direitos reservados.